Página Inicial » Brasil

Acidente com ônibus de evangélicos mata 6 e fere 42 no Paraná

Seis pessoas morreram e 42 ficaram feridas, cinco delas em estado grave, na madrugada desta quinta-feira, em conseqüência de um...

por Leonardo Pereira


Seis pessoas morreram e 42 ficaram feridas, cinco delas em estado grave, na madrugada desta quinta-feira, em conseqüência de um acidente envolvendo um ônibus e um caminhão, que bateram de frente na BR-090, entre os municípios de Piraí do Sul e Ventania, no Paraná.

O ônibus, da empresa Mulher Turismo, de Marília (SP), foi fretado por evangélicos da cidade paulista de Tupã, que viajavam para participar do Gideões Missionários da Ultima Hora. Por volta da 1h30 desta quinta, o veículo, que seguida no sentido Piraí do Sul-Ventania, bateu de frente num caminhão tipo bi-trem (duas carrocerias) que transportava adubo e seguia no sentido inverso.

Os bombeiros tiveram trabalho para retirar muitos passageiros, que ficaram presos nas ferragens depois da batida. A identificação dos mortos ainda não foi concluída e somente por volta das 11 da manhã é que a pista pôde ser liberada pela Polícia Rodoviária. Entre os mortos há uma criança de 12 anos e o motorista do caminhão.

Segundo o sargento Ailton Cardoso, da 5ª Companhia da Polícia Rodoviária do Paraná, as causas do acidente ainda estão sendo levantadas. Ainda não sabemos ao certo os motivos do acidente, que estão sendo levantados. O local é uma curva aberta numa depressão, mas mesmo não havendo neblina naquele momento podemos dizer que o trecho é perigoso porque é de pista simples, disse Cardoso.

Os feridos foram levados para os hospitais de Piraí, Castro e Ponta Grossa. No hospital Ana Fiorino Miranin, em Castro, ainda continuam internados cinco pessoas em estado grave, que correm risco de morte. No hospital de Piraí foram internadas 10 pessoas e outras 25 foram levadas para o hospital Bom Jesus, de Ponta Grossa.

Os nomes dos feridos, assim como os dos mortos, ainda estão sendo levantados porque, com a batida, os documentos se espalharam. Uma representante da empresa Mulher Turismo, Amanda Tozin, disse à Rádio Cidade, de Tupã, que a empresa já deslocou outro ônibus para recolher os passageiros, mas que só tinha recebido a confirmação da morte do motorista do caminhão. No entanto, a Polícia Rodoviária do Paraná confirmou o número de seis vítimas até agora.

Fonte: Terra / Overbo



Comentários