Página Inicial » Ciência & Tecnologia

Android é consagrado ao demônio? Desenhista explica o conceito da imagem

Evangélico grava vídeo dizendo que os celulares da Samsung querem escravizar as pessoas.

por Leiliane Roberta Lopes


O rapper evangélico Juninho Lutero e o missionário Gene Ramos gravaram um vídeo denunciando a marca Android, do Google, de ter consagrado os celulares ao demônio com o objetivo de escravizar as pessoas.

A denúncia vem pela descoberta da imagem revelada quando o usuário dos aparelhos clicam várias vezes na versão do Android descrita nas Configurações. A imagem que surge para quem tem a versão 2.3 desse sistema operacional é o símbolo do Android rodeado de zumbis.

“Isso nos mostra que existe uma consagração demoníaca por trás do sistema operacional Android, para escravizar as pessoas e evitar que as pessoas tenham comunhão com a família e com Deus”, diz o rapper.

Juninho Lutero afirma que o aparelho está relacionado com o número da besta e a vinda do Anticristo. Uma oração é feita para repreender a consagração libertando os usuários dos aparelhos com o sistema do Google.

A imagem contestada tem o nome de “Zombie Art” e é assinada por Jack Larson, um desenhista americano que gosta de retratar o mundo zumbi. Ele explicou o conceito da imagem dizendo que ela representa a fusão do moderno com o antigo e que nada tem relação com consagrações demoníacas.

O site Tecnomundo explicou também que cada versão do Android apresenta uma imagem diferente feita por artistas.

Veja as demais imagens que aparecem na configuração do Android:

Android 3.x (Honeycomb ou “Favo de mel”)

Honeycomb Android é consagrado ao demônio? Desenhista explica o conceito da imagem

Android 4.0 (Ice Cream Sandwich ou “Sanduíche de sorvete”)

Ice Cream Android é consagrado ao demônio? Desenhista explica o conceito da imagem

Android 4.1 e 4.2 (Jelly Bean ou “Bala de goma”)

Jelly Bean Android é consagrado ao demônio? Desenhista explica o conceito da imagem