Página Inicial » Mundo Cristão

Assembleia de Deus reafirma sua posição sobre os usos e costumes

A 40ª Convenção geral decidiu continuar com a resolução de 1999 que faz uma série de proibições

por Leiliane Roberta Lopes


Durante a 40ª Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil, evento que aconteceu no mês de abril na cidade de Cuiabá (Mato Grosso), ficou decidido que as Assembleia de Deus continuará a pregar sobre o comportamento e a forma certa que o fiel deve se vestir.

A discussão dividiu os pastores presentes em dois grupos, de um lado os mais conservadores e do outro alguns líderes que pediam algumas liberações, como por exemplo, o uso de bermuda, uma petição dos evangélicos mais jovens. Apesar do debate, ficou resolvido que orientações serão as mesmas aprovadas na resolução de 1999.

Com isso, ficou decidido que:

1 – Ter os homens cabelos crescidos, bem como fazer cortes extravagantes, bem como o uso de brincos  (1 Coríntios 11.14-15). Ou seja, homens não podem ter cabelos cumpridos e as mulheres não podem cortá-los e nem usar brincos.

2 – Mulheres que usem roupas que são peculiares aos homens e vestimentas indecentes e indecorosas, ou sem modéstias (1 Timóteo 2.9,10). Isso é, continua proibido o uso de calças, decotes e roupas justas.

3 – Uso exagerado de pintura e maquiagem – unhas, tatuagens e cabelos. Vários textos bíblicos foram usados  para essa proibição entre eles o texto de Levíticos 19.28,2.

4 – “Uso de cabelos curtos em detrimento da recomendação bíblica.”  Os pastores da CGADB voltam a citar o texto de 1 Coríntios 11.6, 15 para proibir mulheres com cabelos curtos.

5 – Mau uso dos meios de comunicação: televisão, internet, rádio, telefone. Baseados em 1 Coríntios 6.12 e em Filipenses 4.8, ficou decidido que no lugar de proibir, os pastores podem “indicar” aos fiéis o que pode e o que não pode ser visto na TV.

6. Uso de bebidas alcoólicas e embriagantes (Pv 20.1; 26.31; 1, Co 6.10; Ef. 5.18).

Fonte: Gospel Prime

Com informações Paulopes

 


Leia mais...


Comentários

Comentários

  1. Neli Zolet

    eu sou envangelica a dois ano eu acho q deus esta no coração do crente e não nos assecorios q a mulher usa a minha opinhão e q a igrejha esta perdendo os fies parque ezige demais das mulheres..