Página Inicial » Internacional

Igreja Mundial está na mira da justiça em Angola por envio ilegal de dinheiro ao Brasil

Fontes ligadas à igreja dizem que uma caravana de 20 pessoas entra cinco vezes por mês no país para levar o dinheiro arrecadado nos cultos

por Leiliane Roberta Lopes


Igreja Mundial está na mira da justiça em Angola por envio ilegal de dinheiro ao Brasil Igreja Mundial está na mira da justiça em Angola

O Banco Nacional de Angola (BNA) já fez várias notificações a Igreja Mundial do Poder de Deus sobre as transgressões cambiais que envolvem os líderes da IMPD em Luanda, capital angolana.

De acordo o jornal Agora da Angola, a IMPD do Brasil manda cerca de 20 pessoas mais de cinco vezes por mês para trazer cada uma US$ 15 mil dólares arrecadados nos cultos.

“Nosso país é um paraíso para os brasileiros. As caravanas com mais de 20 pessoas entram por mais de cinco vezes num só mês, levando 15 mil dólares permitidos por lei, mas a frequência no transporte destes valores por indivíduos da mesma organização devia merecer atenção das autoridades,” diz uma fonte ao jornal angolano.

A mesma fonte também afirma que parte do dinheiro arrecadado dos fiéis é desviado para outros países como Brasil, Portugal, África do Sul, Moçambique e Cabo Verde. “A igreja não tem nenhum compromisso social, não ajuda as autoridades nem a população, apenas aumenta a sua pobreza,” reclama a fonte.

“O pastor Valdemiro Santiago aparece na TV e chora, alegando não ter dinheiro, e os crentes, muitos deles empresários, chegam a doar de 20 a 30 mil dólares. Os valores são entregues em Kwanzas [moeda angolana] e são convertidos imediatamente a partir da residência do pastor JM, em Talatona,” relatou a fonte.

JM é a abreviação de Juliano Marques, o bispo responsável pelos trabalhos da Igreja Mundial do Poder de Deus em Angola.

A igreja fundada por Valdemiro Santiago está no país desde 2009 e nos últimos meses ganhou destaque na mídia local quando três pastores angolanos foram demitidos da denominação por denunciarem o desvio de US$ 3 milhões de dólares dos cofres da igreja por pastores brasileiros que estão na liderança.

Fonte: Gospel Prime

Com informações AngoNotícias

Prime Cursos

Leia mais...


Comentários