Página Inicial » Brasil

Padre Marcelo acredita que Brasil nunca será totalmente ateu ou fiel da Igreja Universal

O católico divide as igrejas evangélicas entre as tradicionais e as seitas e acredita que Jesus usaria as redes sociais para levar a mensagem

por Leiliane Roberta Lopes


Em entrevia ao jornal Correio da Manhã o padre Marcelo Rossi respondeu uma pergunta sobre o que mais o assustaria: um Brasil com a maioria ateia ou fiel a Igreja Universal do Reino de Deus e o padre católico foi enfático ao dizer que nenhuma das alternativas vai acontecer com o país.

“Não acredito que isso possa acontecer. Nunca. O Brasil não vai deixar que isso aconteça. Quem prega um Deus e vende chaves do reino dos céus…”, disse o padre-cantor.

A entrevista falava sobre o livro Ágape que se tornou um sucesso editorial alcançando 7 milhões de cópias vendidas. O jornalista também aproveitou para saber se Rossi se incomoda com o crescimento das igrejas protestantes e ele divide o segmento entre seitas e igrejas tradicionais.

“Há igrejas e igrejas. Uma coisa são as igrejas tradicionais evangélicas e outra são as seitas”, afirmou ele. Marcelo Rossi percebe que as igrejas evangélicas estão marcando presença nas redes sociais e observa que a Igreja Católica precisa fazer o mesmo.

O repórter questionou o padre sobre se Cristo vivesse neste século se ele usaria as redes sociais para difundir sua mensagem e o padre acredita que sim. “Com certeza que Jesus Cristo usaria as redes sociais. Estaria em todos os meios de comunicação.”

Marcelo Rossi tem uma forma peculiar de aproximar o público da religião, tanto que está construindo em São Paulo um santuário para 100 mil pessoas. Esse jeito carismático chegou a ser elogiado pelo Papa Bento XVI. “Em 2010 recebi um prêmio do Papa Bento XVI enquanto evangelizador moderno. E o Santo Padre disse-me: “Continue.” Precisamos evangelizar de um modo moderno. As redes sociais são essenciais”.

Com informações Correio da Manhã


Leia mais...


Comentários

Comentários

  1. Fatima Bretas

    A VERDADEIRA PATRIA DE CRISTO ESTÁ NO CÉU , ESTAMOS AQUI SÓ DE PASSAGEM.
    ENSINA-NOS ACONHECER A PALAVRA DE DEUS E SUBSTITUIR O VELHO CORAÇÃO POR UM NOVO E FORTALECIDO PELO ESPI RITO DE DEUS…

  2. Guilherme Silnatto

    Primeiramente não estou defendendo nenhuma bandeira de igrejas protestantes.Quando há fatos,os argumentos e objeções são desnecessários,até por que não trará nenhum conhecimento cabal sobre o assunto abordado.Como podemos dizer : "Quem prega um Deus e vende chaves do reino dos céus…”, disse o padre-cantor, Se em um passado não tão distantes repitam os mesmos erros ou piores.É fácil apontar,mas quando o passado é exposto,o silêncio impera.Não sou a favor das práticas da Igreja Universal,mas como um sacerdote pode falar algo referente a essa prática se no passado seus antecedentes faziam pior ??????

  3. Paulo Henrique

    Guilherme olha a discriminação superando o teor critico

  4. Guilherme Silnatto

    Padre Marcelo diz “Não acredito que isso possa acontecer. Nunca. O Brasil não vai deixar que isso aconteça. Quem prega um Deus e vende chaves do reino dos céus…”, disse o padre-cantor.

    Fonte: http://noticias.gospelprime.com.br/padre-marcelo-acredita-que-brasil-nunca-sera-totalmente-ateu-ou-fiel-da-igreja-universal/#ixzz1oT7baF2k
    O que a igreja católica fazia antes da reforma protestante ???
    Quais mentiras e horrores eram ditos pelo clero para obter submissão e dinheiro do povo ???
    É aquele vwlha questão:O sujo falando do mal lavado.

  5. Jose Rooberto Garcia Garcia

    Padre Marcelo Rossi, eu sou protestante, evangélico ou Cristão não importa! lhe admiro muito e vejo JESUS CRISTO em sua vida , sempre falando de Jesus e evangelizando multidões , todos nôs teremos que prestar contas a DEUS pelo que fizermos de errado aqui na terra, se a IURD não estará isenta TB. desta prestação , mas veja o lado positivo, qts. pessoas eles ajudam a saír do alccolismo, depressão, homicidios, presidiarios são recuperados e constituem familias , drogados e tb. falam da salvação de Jesus , eles têm tb seu galardão.
    QUE DEUS NOS ABENÇÕE NÃO IMPORTA A PLACA DA DENOMINAÇÃO.
    IRMÃO GARCIA.