Página Inicial » Internacional

Mãe de Justin Bieber revela que fé a impediu de abortar o filho cantor

Em lançamento de livro, Pattie revela que está a 15 anos sem sexo.

por Jarbas Aragão


Pattie Mallette, 37,  ficou mundialmente conhecida por ser mãe do astro pop Justin Bieber.  Ela teve um passado muito triste. Entre os 5 e os 10 anos de idade, Pattie sofreu abuso sexual de seu padrasto. Ela nunca contou isso a ninguém. Anos mais tarde, começou a usar as drogas, o álcool e o sexo uma forma de esquecer sua dor.

Ela acabou saindo de casa quando tinha 15 anos. “Eu vivia uma vida de pecado, drogas, álcool e roubos”, lembra. Pattie só voltou a ter uma vida normal depois de tentar cometer um suicídio e ter se convertido.

Tinha apenas 17 anos quando engravidou de seu primeiro e único filho, Justin. Ela passou por uma depressão profunda, mas decidiu assumir os riscos de ser uma mãe solteira. “Como mãe solteira, às vezes eu dizia: ‘Não tenho ideia de como vou alimentar Justin’”, explicou.

Naquele período sombrio de sua vida, ela se agarrou a sua fé e decidiu ter o bebê. “Eu sabia que não podia fazer isso”, disse ela em entrevista ao programa Today with Kathie Lee. “Eu só sei que precisava tê-lo”, contou durante a viagem pelos EUA para promover o seu livro de memórias Nowhere But Up: The Story of Justin Bieber’s Mom.

A mensagem que deseja passar com o livro é simples: “Não importa onde você se encontra hoje. Quebrado, machucado, ferido, ou envergonhado. Se Deus pôde me ajudar a encontrar o caminho, eu sei que Ele pode fazer o mesmo por você”, explica.

Quando Justin tinha apenas 14 anos, seus vídeos no YouTube foram descobertos e ele quase imediatamente ficou famoso. Ela e o filho mudaram-se de Ontário, no Canadá, para Atlanta, nos Estados Unidos.

Hoje com 18 anos, Bieber é considerado pela revista Forbes como a terceira celebridade “mais poderosa do mundo”. Ele já vendeu mais de 12 milhões de álbuns desde 2009 e tem mais de 27 milhões de seguidores no Twitter.

Mas a fama do filho não mudou a postura de fé de Pattie Mallette. Ela fez uma declaração surpreendente no programa de entrevistas de Ellen Degeneres na TV americana, nesta terça-feira, 18.

Ela confessou estar há 15 anos sem fazer sexo por conta de um voto que fez quando tinha 21 anos, só voltaria a ter relações sexuais quando se casasse. “Honestamente, estou cumprindo esta promessa de forma séria”, disse Pattie. “Lembro-me bem quando a fiz. Escrevi num pedaço de papel e tenho uma testemunha. Isso é muito importante para mim. Não vou furar agora”.

Focada na carreira do filho, ela diz não se arrepender de suas decisões, tomadas com base em sua fé. Ao falar sobre seu filho, Pattie disse: “Ele tem um coração enorme. Eu não mereço nem um pouco disso, depois de tudo o que eu fiz. É apenas a bondade de Deus.”

Com informações Christian Post e EGO


Leia mais...


Comentários