MENU

“A gente nunca desistiu de acreditar na família”, afirma Marcos Mion

Apresentador afirma que venceu dificuldades com o poder de Jesus e com muita fé


Marcos Mion no The Noite
Marcos Mion no The Noite. (Foto: Divulgação)

Recentemente, o apresentador de TV Marcos Mion foi entrevistado por Danilo Gentili, do programa The Noite. Ele acredita que Deus tem uma missão para cada pessoa.

“Às vezes, a gente tenta racionalizar demais e planejar demais as coisas, e Deus separa pra você o que é seu, cara. E você não consegue fugir, meu. Você pode querer fugir, mas você não vai conseguir”, disse.

Mion é casado e pai de três filhos. Romeo, o primeiro filho nasceu com autismo e foi a inspiração da família para vencer dificuldades.

Leia mais

“A gente nunca desistiu de acreditar na família, nunca desistiu de sentir Deus presente em nossa vida”, testemunha.

Ele ainda reforça: “Com o poder de Jesus e com toda a nossa fé, tivemos três filhos e hoje as pessoas falam: nossa cara, que família linda e perfeita que você tem”, lembra.

Experiências viram livros

O apresentador conta que já escreveu dois livros relatando suas experiências como pai “A escova de dentes azul” onde explica o autismo diretamente para o público infantil e “Pai de menina”, dedicado à sua filha Donatela.

“Meus livros são missões”, afirma. “Quando você faz uma coisa com o coração e bota a sua alma ali, as pessoas recebem, as pessoas entendem. E isso bate com quem se identifica”, continua.

Amor incondicional

“O Romeo nasceu, não interessa se ele veio com autismo ou qualquer outra síndrome. Cara, é o meu filho, a coisa que eu mais queria na minha vida. É o meu amor, meu coração fora de mim. Não interessa o resto”, afirmou.

Segundo o escritor, “Romeo é o amor numa forma física de ser humano. Ele é amor 24 horas por dia. Ele fica grudado em mim o tempo inteiro. Mas isso a gente conquistou”, revela.

Mion deixa um recado para as famílias que tiveram filho autista. “Tem que ter paciência e tem que ter amor acima de tudo […] O autismo não é uma doença, o autismo é uma condição”, explica.

“Muita gente fica desesperada. Óbvio que é difícil, não vou dizer que é fácil. Mas você não pode desesperar, tem que trabalhar constantemente pra isso”, conclui.

Assista!



Assuntos: , , ,


Deixe sua opinião!

Mais notícias