MENU

Pastor estrela reality show e justifica: “As trevas invadem os locais que a igreja evita”

“Se viesse hoje, Jesus usaria as redes sociais para pregar”, defende pastor


Rich Wilkerson Jr
Rich Wilkerson Jr

O pastor Rich Wilkerson Jr., da Vous Church, de Miami (EUA) desde 2015 estrela o reality show “Rich in Faith”, transmitido pelo canal de TV a cabo Oxygen. Famoso por ter realizado o casamento de Kim Kardashian e Kanye West em 2014, ele agora está lançando um livro chamado Friend of Sinners: Why Jesus Cares More About Relationship than Perfection [Amigo dos Pecadores: Por que Jesus se importa mais com relacionamentos que com perfeição].

Ciente das críticas que recebeu por sua exposição na mídia, ele acredita que programas de TV e redes sociais deveriam ser melhor utilizadas pelos crentes pois “As trevas invadem os locais que a Igreja evita”.

Leia mais

Wilkerson, que é a quarta geração de uma família de pastores pentecostais, defende que os cristãos precisam utilizar melhor o que chama de “ferramentas de um ministério eficaz” nos dias de hoje. Disse ainda que, especialmente no meio pentecostal, ainda existe resistência ao uso da internet.

“Eu não acho que os crentes devem evitar essas plataformas, devemos usar todos os meios para anunciar o Evangelho”, insiste. “Acredito que as mídias sociais são uma ótima plataforma e Jesus deve ser a vanguarda nas mídias sociais e na TV. Por que eu deixar de usar todas as oportunidades que pudermos para espalhar a Palavra?”

Disse que “Somos bons em criticar coisas assim, mas nunca mudaremos o mundo se não quisermos nos envolver com ele. Penso que, se viesse hoje, Jesus usaria as mídias sociais. Ele se envolveria com a cultura e usaria isso para espalhar sua mensagem”.

O pregador explica que resolveu escrever seu novo livro para lembrar a todos daquele “Jesus do evangelho da graça e do amor insondável de Deus que vai além dos que são perfeitos, alcançando os que são os menores, mais sujos e sem esperança na sociedade”.

Com muitos anos de ministério, Wilkerson acredita que muitas pessoas não vão à igreja por acreditarem que Deus “está bravo com eles e que não pertencem àquele lugar, embora Jesus fosse chamado de amigo dos pecadores”.

Seu objetivo declarado é tentar ajudar a igreja a resgatar essa perspectiva, de que o Evangelho não é para os sãos, mas para os que estão doentes.

“Jesus esteve aqui para alcançar os rejeitados pelo sistema religioso, para tocar toda a humanidade”, lembra Wilkerson. “As igrejas sempre correm o risco de criar um ambiente onde é difícil para quem estar de fora sentir-se bem e tenham curiosidade de saber o que pensamos. Se não tivermos cuidado, podemos criar espaços que são difíceis de entrar”.

Para o líder da Vous Church, “Uma vez que iniciamos um relacionamento com Jesus, os dois grandes atributos que Ele nos dá são graça e verdade”.

“Graça não significa que Ele não vai mostrar as áreas onde as pessoas precisam crescer e mudar, mas a graça vem em primeiro lugar. Muitas vezes os cristãos focam apenas na mudança, para depois iniciar um relacionamento com quem é parecido com ela… Um dos meus maiores desafios é ensinar à Igreja que devemos construir relacionamentos reais e vivermos uma vida autêntica para Jesus… O desafio é lembrarmos disso quando saímos [do culto]”. Com informações Christian Post




Deixe seu comentário!


Mais notícias