MENU

Estátua da Havan perde a mão e Daciolo avisa: “Não brinquem com Deus”

Segundo caso de dano natural a réplicas remetem a profecias de deputado


Estátua da Liberdade da Havan.
Estátua da Liberdade da Havan. (Foto: Agência 012)

O deputado federal Cabo Daciolo (Avante/RJ) ficou conhecido no Brasil inteiro após sua participação na corrida presidencial. Ele adotou uma estratégia de ir para os montes, fazer jejum e orações pelo país, e apresentar-se nos debates de Bíblia em punho.

Além disso, gravou uma série de vídeos onde, adotando um tom profético, falou sobre coisas que iriam acontecer no país. Em alguns deles o político avisou que as réplicas da Estátua da Liberdade, usadas como símbolo da rede varejista Havan, seriam todas retiradas, caso fosse eleito.

Leia mais

A empresa chegou a produzir uma peça publicitária zombando da ameaça. Um desenho da estátua rindo era acompanhado da frase “vim aqui mostrar pra nação que nem corda, nem corrente, muito menos cabo me tiram daqui!”.

No dia 19 de setembro, uma forte tempestade causou estragos na cidade de Umuarama, interior do Paraná. Os ventos derrubaram árvores e destelharam casas. A Estátua da Liberdade com cerca de 30 metros de altura da Havan daquela cidade teve um dos dedos quebrados e a tocha, que ficava em uma das mãos, acabou caindo em um terreno ao lado da loja.

Estátua quebrada. (Foto: Paraná Portal)
Estátua quebrada. (Foto: Paraná Portal)

Daciolo usou suas redes sociais para dizer que Deus estava dando um “sinal” e que, em breve, todas cairiam.

Neste sábado (13), uma chuva forte derrubou parte do braço da réplica da Estátua que fica em frente à Havan de Lorena, interior de São Paulo. A peça caiu sobre um carro no estacionamento, mas ninguém ficou ferido.

Mão da estátua da Havan quebrada. (Foto: Agência 012)

Horas depois do ocorrido, Daciolo usou seu perfil no Facebook para mandar um recado: “A tocha já caiu! Agora foi o braço. Em breve todo o resto cairá para HONRA E GLÓRIA DO SENHOR JESUS CRISTO. NÃO BRINQUEM COM DEUS!”

O parlamentar se mostra incomodado com  “a construção de monumentos similares a monumentos estrangeiros” em solo brasileiro desde 2016, quando apresentou um projeto de lei para proibir a prática.

Profecia que se cumpriu

Na semana passada, internautas destacaram que as profecias de Daciolo estavam se cumprindo. Em discursos no Congresso Nacional, ele falou sobre a “queda” de Eduardo Cunha, então o todo-poderoso presidente da Câmara dos Deputados. Preso desde outubro de 2016, o político cumprirá pena de 14 anos por corrupção.

Em agosto de 2017, o cabo do corpo de bombeiros do RJ anunciou a queda de Eunício Oliveira (MDB), atual presidente do Senado.

“Eu quero aqui decretar a queda do governo dos ímpios. E quando eu falo isso, presidente Eunício, eu estou falando a queda do presidente Eunício, eu estou falando da queda de Vossa Excelência, para honra e glória do Senhor Jesus Cristo”, disse na ocasião.

O final da contagem dos votos pelo STE no dia 7 de outubro indicou que ele não foi reeleito. Apesar de toda força de seu nome e com a toda a máquina partidária na mão, Eunício ficou apenas na terceira posição para o Senado no Ceará, com 16% dos votos, atrás de Cid Gomes (PDT), com 41%, e Eduardo Girão (PROS), com 17%.



Assuntos: , , ,


Deixe sua opinião!