MENU

Deputado questiona Haddad sobre Bíblia “furtada”: “mostre o B.O.”

Acusado de furtar Bíblia, André Fernandes diz que petista mente


André Fernandes
André Fernandes. (Foto: Reprodução)

O caso da Bíblia presenteada ao candidato Fernando Haddad (PT) durante um comício em Fortaleza, Ceará, no final de semana gerou grande polêmica ao longo desta segunda-feira (22).

O recém-eleito deputado federal André Fernandes (PSL/CE) gravou um vídeo acusando o petista de ter jogado no lixo o presente. Mostrando Bíblia, com a mesma capa vermelha e a dedicatória de Erineudo Lima, o evangélico que a obsequiou, o jovem político cearense afirmava que o livro sagrado fora encontrado no chão da Praça do Ferreira, onde ocorrera o evento político no sábado.

Leia mais

O vídeo viralizou e Haddad rebateu, tanto em um vídeo divulgado em suas redes sociais quanto nas entrevistas dadas nesta tarde. Ele insiste que a Bíblia fora entregue à sua esposa, mas que alguém a furtou de cima do palanque. Também diz que o celular de um dos assessores foi subtraído.

Insinuando que Fernandes tenha participação no ato, Haddad ressaltou que seria mais um episódio de “fake news” contra ele.

Contrariado, o jovem cearense, que tornou-se conhecido nacionalmente como youtuber, revidou as acusações com um novo vídeo. Ele exige que Fernando Haddad mostra aos eleitores o Boletim de Ocorrência (B.O.) que deveria ter feito ao registar o furto da Bíblia e do celular em uma delegacia.

“Dizer que a Bíblia foi furtada? Tu só anda com vários seguranças particulares e mais de 20 agentes federais… das duas uma, ou o senhor está faltando com a verdade ou está assumindo que os petistas, de fato, tem o costume de cometer crimes”, disparou.

Pedindo que o candidato prove que não está mentindo, Fernandes ressaltou que o fato só veio a público depois que ele fez o vídeo. Contou ainda que a pessoa que achou a Bíblia ligou para ele, pois sabia que o youtuber teria “coragem para denunciar”.

Assista!



Assuntos: , ,


Deixe sua opinião!