Escola adventista que cobra dízimo de seus funcionários é notificada pelo MP do Trabalho

18/12/2011 - 11:54

Escola adventista que cobra dízimo de seus funcionários é notificada pelo MP do Trabalho

Para a procuradora do Ministério Público do Trabalho tal desconto não legalmente autorizado


O Ministério Público do Trabalho conseguiu acordar com a Escola Adventista, presente nos estados de  Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins e de Goiás, a não mais descontar os 10% dos salários de seus funcionários.

Caso a empresa não deixasse de cobrar o dízimo da folha de pagamento dos seus mais de 3 mil funcionários ela passaria a pagar multas. Algumas unidades escolares estavam sendo descontadas há mais de um ano.

O caso foi denunciado em Araguaína (TO) e a unidade escolar daquela cidade acordou em não mais cobrar a contribuição.   “O processo veio para que pudéssemos ajustar isso nacionalmente, para que todas as unidades da escola fossem obrigadas a se adequar à lei”, disse a procuradora do Trabalho da 10ª Região Valesca Monte.

A procurada se firmou na legislação que impede que o empregador faça qualquer desconto no salário se não os já regulamentados por leis específicas, a menos que seja a título de adiantamentos. O empregador também pode descontar se o funcionário desejar participar do programa odontológico, médico e etc. “O dízimo não está previsto em nenhuma dessas hipóteses. O desconto é ilegal”, afirmou Valesca.

Na versão da escola o dízimo passou a ser cobrado a pedido dos próprios funcionários que são membros da Igreja Adventista do Sétimo Dia. “O desconto não era feito de todos, nem mesmo da metade. Até porque, nas nossas escolas, a maioria dos funcionários não é adventista. O dinheiro ia diretamente para as igrejas”, disse Denison Lehr Unglaub, advogado da escola.

Com informações Correio Braziliense



Leia mais...

Igreja faz mutirão e reforma posto de saúde

Igreja faz mutirão e reforma posto de saúde

Escolas adventistas se unem contra o Aedes aegypti

Escolas adventistas se unem contra o Aedes aegypti

Evangélicos fazem mutirão de doação de sangue

Evangélicos fazem mutirão de doação de sangue

Igreja devolverá dízimo se fiel não for abençoado

Igreja devolverá dízimo se fiel não for abençoado


Comentários

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

avatar

wpDiscuz