MENU

“Escutei o ruído que fez quando o trituravam”, diz modelo arrependida de ter abortado

Mesmo anos após o ocorrido, ela admite que se vê como uma “assassina”


Adela Alonso
Adela Alonso no reality show Mundos Opuestos. (Foto: Radio Farra)

A modelo paraguaia Adela Alonso, 23 anos, testemunhou em um programa de televisão como foi o aborto que realizou no início de sua carreira. “Eu abortei. Escutava o ruído enquanto o trituravam. Não consigo lidar com isso. Não consigo esquecer”, admite. “Sinto-me uma assassina”.

Durante entrevista ao reality show Mundos Opuestos, da Red Paraguaya de Comunicación (RPC), ela contou sua história de vida. Vindo de família pobre, ele teve muitas dificuldades para se firmar em um mercado tão competitivo.

Leia mais

Quando descobriu que estava grávida, acreditou que poderia ser o fim de sua carreira. Como o pai não queria assumir, ela decidiu abortar. “Foi a coisa mais difícil da minha vida”, afirmou. Chorando muito, disse que hoje se arrepende muito da decisão.

“Mesmo que tenha me confessado [ao padre], é difícil perdoar a mim mesma. Não estou tranquila comigo mesma”. Ao falar que havia pensado inclusive no nome da criança, pediu: “Perdão, Fausto, ou perdão, Adela. Porque se fosse menino, seria Fausto, caso fosse menina, Adela. Só isso que te peço”.

A modelo disse que jamais esqueceu da experiência e, se fosse hoje, sua decisão seria outra.

Assista:



Assuntos:


Deixe seu comentário!

Mais notícias