Ex-pregador que virou morador de rua tenta se livrar do vício das drogas

“Deus me deu esperança”, afirma Fernando Ribeiro


Ex-pregador que virou morador de rua tenta se livrar do vício das drogas

Na pequena Araguaína, norte do Tocantins, o número de moradores de rua chama a atenção. Segundo a administração municipal, são cerca de 100 pessoas. O ex-empresário Fernando Ribeiro é um deles. Estranhamente, ele também era pastor e cantor evangélico.

Sua história foi mostrada pela afiliada da Globo no Tocantins e chamou atenção pelo triste testemunho. Há um ano pedindo dinheiro na Av. Filadélfia, uma das principais da cidade, Fernando é usuário de crack e relata que já fez 13 tratamentos, mas sempre acaba tendo uma recaída.

O ex-líder religioso é natural de Goiás e tem uma vida marcada por fracassos, superações e recaídas. Seu pai era traficante e acabou morrendo por causa disso. Ele entrou para o mundo das drogas na adolescências, mas resolveu lutar contra o vício. Fez tratamento em uma comunidade terapêutica evangélica, onde se converteu.


  Realize o Seu Sonho de Tocar Piano sem Sair de Casa. Comece Agora!


Fernando chegou a ser pregador itinerante. Atuou como cantor gospel e chegou a gravar CD e DVD. Acabou indo morar em Araguaína, onde congregou na Igreja Batista El-Shaday. “Pregava em muitas cidades”, relembrou um amigo.

Seus dois casamentos foram desfeitos por causa das drogas. Ele também perdeu a empresa e tudo o que possuía. Apesar do sofrimento, diz que tem esperança de se reerguer.

À rede Globo ele contou que acabou virando morador de rua após a separação da ex-mulher. Ele entrou em depressão e voltou com força para o mundo das drogas. A empresa que tinha no ramo de transporte também não deu certo.

“Tive a infelicidade de conhecer o crack, de viciar nisso. Até então eu tento me levantar várias vezes. Tinha certa situação boa, mas fui perdendo empresa, emprego, casa, fiquei sem absolutamente nada. Exatamente sem nada, mas fiquei com uma coisa, com o desejo de vencer”, desabafa Fernando.

Por vezes, o ex-pastor toca violão e relembra as músicas que costumava cantar na igreja. Uma delas diz:  “Eu sinto falta de Tua voz. Chamando pra entrar. Eu sinto tanta saudade de caminhar contigo. Saudade do meu amigo. Saudades do meu Pai”.

Fernando lamenta: “São poucos os amigos que param para conversar. E antes eu tinha muitos amigos. Mas muito mesmo”.

Apesar das dificuldades, ele alimenta a expectativa de se recuperar. “Mesmo eu tendo perdido minha empresa, perdido casa, esposa, Deus me deu a felicidade de ter uma esperança. Eu espero que Deus me tire das ruas, me liberte das drogas e me faça pastor Fernando, o cantor, o pregador, o discípulo de Jesus”, confessa.

A história de Fernando comoveu a comunidade evangélica da cidade. Segundo o site Araguaína News, foi montada uma “Operação Resgate” para tirá-lo das ruas e leva-lo a uma clínica. Contudo, depois da exibição de sua história na TV ele não foi mais encontrado.




Deixe seu comentário!