MENU

Ezequiel Teixeira se une a Marco Feliciano em defesa da família

Parlamentares defendem que Brasil verá o “governo dos justos”


Marco Feliciano e Ezequiel Teixeira
Marco Feliciano e Ezequiel Teixeira

Este é um ano eleitoral e muitos candidatos já estão se colocando seus nomes a disposição dos partidos para a reeleição. Entre as muitas mudanças de legenda, o pastor Marco Feliciano saiu do PSC – pelo qual foi eleito por São Paulo com quase 400 mil votos – e foi para o Podemos.

Na sigla, que se define como “centro-direita”, ele estará ao lado do deputado Ezequiel Teixeira (Pode/RJ). Além de ambos serem líderes religiosos e muito influentes em seus estados, são conhecidos pela sua constante luta pela defesa da vida e da família.

Leia mais

Apesar da crise política pela qual o Brasil atravessa, Ezequiel, no Rio de Janeiro, e Feliciano, em São Paulo, mantém seu compromisso com a defesa dos valores cristãos, em meio aos ataques vindos, sobretudo, dos partidos de esquerda.

Atuantes no Congresso, eles esperam poder ampliar suas lutas na próxima legislatura. Estima-se que existam mais de uma centena de projetos de lei tramitando que atingem, de uma maneira ou de outra, a família tradicional.

Os deputados explicam que também desejam ver o Brasil “sem ideologia de gênero”. Teixeira costuma alertar que se trata de “lixo moral”.

Usando o lema do novo partido, defendem que “podemos mudar o Brasil”, dentro do que chamam de “governo dos justos”, numa referência a passagem de Provérbios 29:2.

Assista:




Deixe seu comentário!