Marco Feliciano vai investigar a morte do pastor Mário Sales

Deputado enviou chefe de gabinete para apurar denúncia de execução.


Marco Feliciano vai investigar a morte de Mário Sales

A morte do pastor Mário Sales, 24, e do cantor gospel Jeissivan Cristiano Dias Brito, 26, chocou a comunidade evangélica. Na quinta (17), ambos foram assassinados pela polícia em Feira de Santana, Bahia, numa operação que visava combater uma quadrilha de roubo de carro.

Nos dias seguintes, fiéis iniciaram uma campanha nas redes sociais pedindo que ocorresse uma “mobilização” para que o caso fosse investigado pela Comissão de Direitos Humanos da Câmara, presidida pelo pastor Marco Feliciano.

Neste domingo, Deputado Federal Pastor Marco Feliciano publicou em sua conta no Facebook que a seu chefe de gabinete, Dr. Talma Bauer, iria até Feira de Santana e região para apurar a morte do pastor Mário.


  Psicólogo ajuda cristãos a vencer o vício da pornografia


Comunicou ainda que já foi proposta a apuração das informações do caso pela Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara Federal. O Dr. Talma Bauer está ciente das muitas discrepâncias na ação policial. Existe, segundo Feliciano, “um forte indicio de execução por parte da polícia local”, mas o deputado é cauteloso em adiantar detalhes.

O Dr. Talma Bauer embarcou para a Bahia hoje e às 18h se encontrará com o chefe de Policia de Feira de Santana, para esclarecer os fatos. Bauer também deve se encontrar com as lideranças evangélicas e imprensa. O deputado pede que, se alguém tiver informações que possam colaborar com a investigação, contatem o Dr. Bauer no telefone (61) 9339-7205 ou pelo e-mail [email protected].




Deixe seu comentário!