Homem ameaça esposa de morte por ela frequentar igreja

Polícia o prendeu e registrou caso como violência doméstica.


Homem ameaça esposa de morte por ela frequentar igreja

Ir a igreja parece algo tão rotineiro, mas para uma mulher de Itaporã (MS) quase custou sua vida. No domingo (23), um homem de 56 anos foi preso suspeito de ameaçar a esposa de morte por ser contra a participação dela nas reuniões da igreja.

A Polícia Militar informou que a fiel estava no culto quando o suspeito chegou e ameaçou retirá-la à força e ainda violentá-la caso ela não saísse de forma espontânea.

Segundo o G1, com receio, a vítima foi para casa, onde teria sido ameaçada de morte caso retornasse a igreja. A PM foi chamada confirmando o ocorrido. O homem foi capturado e levado para a delegacia juntamente com a esposa. O caso foi registrado como violência doméstica.


  Psicólogo ajuda cristãos a vencer o vício da pornografia


Caso semelhante teve fim trágico

A dona de casa Elisângela Aparecida Barbosa de Oliveira, 41, residente na cidade de Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul, foi vítima de homicídio em janeiro deste ano. Segundo informações da Polícia Civil e do filho, o agressor foi o seu marido, com quem era casada há nove anos.

Pelos depoimentos de Jhonatan de Oliveira Moreira, 21, filho de Elisângela, o assassinato ocorreu com a irritação do homem, de 31 anos, de que sua mulher estava ouvindo música cristã contemporânea.

De acordo com informações da Polícia Militar, anteriormente vizinhos chegaram a denunciar a violência doméstica.




Deixe seu comentário!