Igreja é pichada com “ISIS” e incendiada no Canadá

Autoridades dizem que causa do fogo é “desconhecida”


Igreja é pichada com "ISIS" e incendiada no Canadá

Uma igreja batista em Burlington, Canadá ficou quase totalmente destruída depois de um incêndio na semana passada. A congregação está a 127 anos naquele lugar e os fiéis dizem que irão reconstruí-la.

Dias depois do incidente, as autoridades continuam dizendo que, embora haja indícios de que foi um incêndio criminoso, a causa do fogo é “desconhecida”.

Contudo, fotos do local divulgadas nas redes sociais mostram que o prédio foi pichado com palavras de ordem islâmicas e o nome do grupo extremista Estado Islâmico ou ISIS, como é mais conhecido em língua inglesa.

Igreja batista em Burlington, Canadá - Pichada
Igreja batista em Burlington, Canadá – Pichada

A parte traseira do templo da Igreja Batista Trinity ficou completamente queimada, bem como o telhado, que desabou, destruindo parte do interior do prédio. Os bombeiros identificaram que o início do fogo foi causado por um “acelerador das chamas”, o que pode indicar uma bomba caseira ou uso de combustível.

O pastor Carl Muller, que lidera a congregação desde a década de 1980, preferiu não acusar ninguém, embora reconheça que a pichação ocorreu no mesmo dia do incêndio: “Eles escreveram ‘ISIS’ em três pontos no exterior do prédio. É spray preto, com letras muito grandes. Você pode ver claramente mesmo à distância”.

Ele não descarta que os autores sejam islâmicos, mas preferiu dizer que gostaria de ter uma chance de conversar com “as pessoas envolvidas” e compartilhar o que a igreja acredita. Também comemorou o fato de que ninguém ficou ferido, uma vez que o incêndio começou durante a madrugada.

A cidade de Burlington fica em Ontário, segunda província onde o islamismo mais cresce no Canadá. Estima-se que um terço da população islâmica do país viva na região. Com informações CBC 




Deixe seu comentário!