IURD pagou mais de meio bilhão de reais por horários na Record

Valor anual pago pela igreja cresce a cada ano


IURD pagou mais de meio bilhão por horários na Record

O jornalista Ricardo Feltrin, por meio do UOL, afirmou que a Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), no ano de 2016, teve custos de 575 milhões por suas programações na madrugada. O valor, que deve ser pago pela instituição, equivale às exibições de domingo a sábado.

Segundo Ricardo, o valor é 139,58% maior que em 2006, quando a igreja desembolsou cerca de 240 milhões para a mesma faixa de horários. O crescimento dos valores, do ano de 2011 a 2016, foi de quase 100 milhões.

A assessoria de imprensa da Universal não quis comentar a apuração feita pelo jornalista do UOL. Afirmou, apenas, que existem cláusulas de confidencialidade entre a igreja e a emissora televisiva.

O pagamento feito pela Igreja Universal do Reino de Deus é considerado fundamental nos valores de faturamento da TV Record. Em 2016, os 575 milhões equivalem a quase 30% do valor ganho pela emissora, que chega a quase R$ 2 bilhões.

Destaque no país

Feltrin enfatizou que, atualmente, a Universal é a igreja que mais compra horários nas emissoras televisivas. Entre o final do mês passado e o início deste mês, a instituição de Edir Macedo chegou a veicular horários de culto em uma afiliada da Rede Globo em Sorocaba.

Segundo apuração de Ricardo feita em junho deste ano na coluna do UOL, a programação religiosa equivale a cerca de 20% de todos os programas exibidos na TV aberta brasileira.




Deixe seu comentário!