Ladrão se arrepende de crime e diz “vou voltar pra Deus”

Casal de evangélicos teve carro e aparelhos eletrônicos roubados, e se comove com pedido de perdão de criminoso


Ladrão se arrepende de crime e diz "vou voltar pra Deus"

Em Guarapuava, na região central do Paraná, um acontecimento, tanto quanto inusitado, ganhou os noticiários. O casal metodista, Thiago e Cleiviane Sene, teve o carro e alguns aparelhos eletrônicos roubados. Porém, horas depois o automóvel foi encontrado abandonado em um estacionamento de uma loja.

Mas, o inacreditável estava por vir. Dias depois do ocorrido, o ladrão entrou em contato com Thiago e confessou estar arrependido do ato e informou onde estavam os restantes dos objetos roubados.

“Ficou uns 30 segundos sem falar nada, aí começou: ‘quero pedir desculpa pelo que fiz’. Não acreditei muito no começo, daí perguntei da chave do carro. Ele disse que estava no quebra-sol, o que se confirmou. Aí eu acreditei e ele começou a contar a história triste dele e a chorar”, relata Thiago.

Quando o casal chegou ao local e encontrou os pertences e uma carta de próprio punho pedindo perdão. “Minha vida era tranquila. Eu tinha paz, emprego, tudo que precisava, mas me separei de Deus e minha vida virou de cabeça pra baixo. Comecei a beber, perdi meu bebê, o emprego, bati o carro, e a minha mulher quer me deixar. Não justifica o que eu fiz, o mal que causei a vocês. Me perdoem. Vou buscar a Deus”, diz um trecho da carta.

Após a leitura da carta, o casal retirou a queixa e se dispôs a ajudar o homem, que não atendeu mais no número fixo do qual ligou. “A carta que ele deixou pra gente mostra que o caráter dele não é de um malandro. A gente acredita no arrependimento do ser humano. Ele se arrependeu, da nossa parte está perdoado. Eu quero dar essa força pra família dele, tanto espiritualmente quanto financeiramente”, afirma Cleiviane. Com informações G1




Deixe seu comentário!