Ministério Público pede que Rede TV! e Igreja da Graça se retratem de ofensas aos ateus

O Ministério Público quer que a igreja e a Rede TV se retratem


MP pede que Rede TV! e Igreja da Graça se retratem de ofensas aos ateus

As palavras do pastor João Batista da Igreja Internacional da Graça de Deus causaram repulso aos ateus. Isso porque no programa “O Profeta da Nação” que foi ao ar no dia 10 de março pela Rede TV!, o pastor disse que quem não acredita em Deus é uma má pessoa.

“Quem não acredita em Deus pode ir pra bem longe de mim, porque a pessoa que não acredita em Deus, ela é perigosa. Ela mata, rouba e destrói. O ser humano que não acredita em Deus atrapalha qualquer um. Mas quem acredita em Deus está perto da felicidade.”



Diante dessas palavras, o Ministério Público Federal em São Paulo resolveu entrar com uma ação na Justiça para obrigar a Rede TV! e a Igreja do missionário R.R. Soares a se retratarem por essa ofensa. A ação foi movida nesta quinta-feira, 18 de agosto.

Assista:




Deixe seu comentário!