15/07/2014 - 23:46

Muçulmanos destroem túmulo do profeta Jonas e incendeiam 11 igrejas

ISIS inicia nova onda de ataques em Mosul, afirmando “acabar com a idolatria”


Muçulmanos destroem túmulo do profeta Jonas e incendeiam 11 igrejas Muçulmanos destroem túmulo do profeta Jonas

Reconhecido como profeta por judeus e cristãos, a figura bíblica de Jonas é famosa por ter sobrevivido por três dias no estômago de um grande peixe no fundo do mar, tendo saído dali para pregar em Nínive. A tradição milenar que indicava o local de seu túmulo na cidade de Mosul, no território do atual Iraque, acaba de ganhar um triste capítulo.

Desde a semana passada surgiram rumores, só agora confirmados oficialmente, que membros do grupo terrorista Estado Islâmico (ISIS) violaram o local. Chamado de Younis, em árabe, o túmulo de Jonas era um local que atraía visitantes e ficava em uma mesquita que levava o seu nome.

Um funcionário do local, Zuhair al-Chalabi, disse durante a nova investida do ISIS contra os cristãos, o local foi destruído. Ele lamentou que os membros do ISIS não respeitaram a tradição muçulmana de reconhecer os profetas antigos e destruíram o túmulo do profeta Younis, tirando dali os seus conteúdos.

Na interpretação extrema da lei islâmica defendida pelo ISIS, que ecoa o Talibã, todas as representações de pessoas e animais são idolatria e proibidas pelo Alcorão.

Além de destruir museus, mesquitas xiitas e túmulos no território sob seu domínio, o Estado Islâmico prometeu erradicar os sítios arqueológicos importantes. A área em torno de Mosul, sede atual do ISIS, abriga 1.791 sítios arqueológicos registrados, incluindo ruínas de quatro capitais do império assírio. A cidade foi local de diversas batalhas bíblicas do Antigo Testamento e, de acordo com a tradição judaica e cristã, foi fundada pelo bisneto de Noé, Nimrode.

Nessa onda de ataques, mais 11 igrejas cristãs foram incendiadas na região de Mosul. Os líderes cristãos no Iraque lembram que muçulmanos e cristãos viveram pacificamente por um longo tempo na região lado a lado, mas temem que a violência atual poderá por fim a quase 2.000 anos de cristianismo no Iraque. Estima-se que os cristãos do Iraque eram 1.5 milhão em 2003 e restaram cerca de 400.000 hoje.

Após terem decretado o ressurgimento do califado e sua cruzada para unir todos os muçulmanos do mundo, o ISIS tem crucificado cristãos rotineiramente, destruído suas igrejas e oferecido recompensas para quem entregar os pastores e missionários que vivem no norte do Iraque.  Com informações Christian Post

Assista:



Leia mais...

Como Pregar Sem Timidez em 4 Simples Passos

Como Pregar Sem Timidez em 4 Simples Passos

EI extermina cristãos e igrejas não fazem nada, reclama ativista

EI extermina cristãos e igrejas não fazem nada, reclama ativista

Antes de serem decapitados, cristãos clamaram pelo nome de Jesus

Antes de serem decapitados, cristãos clamaram pelo nome de Jesus

Pastor compra armas para milícia cristã combater Estado Islâmico

Pastor compra armas para milícia cristã combater Estado Islâmico


Comentários


Deixe um comentário

5 Comentários em "Muçulmanos destroem túmulo do profeta Jonas e incendeiam 11 igrejas"

avatar

Ordenar por:   novos | antigos | mais votados
Decio Simsen
Decio Simsen
2 anos 1 mês atrás

isso é falta de conhecimento biblico pois em nome de uma religião matam e fazem varias a trocidades a biblia diz conhecereis a verdade e a verdade vos libertara

Valmir Natal Rodrigues
Valmir Natal Rodrigues
2 anos 2 meses atrás
gostaria de com todo respeito sugerir que a Sra. Cláudia visse ou pudesse ter acesso a uma mensagem do pastor Josué Yrion. ( preletor transcultural e missionário Jocum) para poder ver o que é feito com os cristãos fiés ao DEUS que paulo pregou no aéropago para os “intelectuais de vanguarda” da época, a perseguição que cristãos sofrem hoje em dia só tem ci~encia quem está no meio evangélico porque para que se persegue quem não incomoda? e a verdade incomoda, pois ela propõe uma visão esclarecedora dos fatos, e sugere mudanças…já viu alguma notícia de algum crente que matou… Leia mais »
Valmir Natal Rodrigues
Valmir Natal Rodrigues
2 anos 2 meses atrás
grande verdade é que JESUS disse que não veio para pregar paz e sim dissençoões( a pessoa dele veio para este fim para o farisaìsmo da época) mas sua mensagem era a do amor, seu evangelho seria para ser introduzido pela boca mas através dos corações para as mentes , e depoisa das mentes, o ESPÍRITO SANTO DE DEUS faria a obra nos corações, a SANTA PALAVRA de DEUS não nos veio para brigarmos entre nós, mas para através dela e pela prática dela herdarmos a salvação e vida eterna e isto sem contendas ou porfírias, emulações (disputas que não… Leia mais »
Valmir Natal Rodrigues
Valmir Natal Rodrigues
2 anos 2 meses atrás

JÁ FAÇO ISTO mARCINHO lOPES E SINCERAMENTE CARA. ANSEIO QUE AO INVÉS DE IR NESSES LUGARES QUE AS PESSOAS QUE ESTÃO LÁ ESTEJAM DENTRO DE TEMPLOS CRISTÃOS ONDE SE PREGUE A VERDADE SEM FERMENTOS, PORQUE AÍ AO INVÉS DE IR AOS HOSPITAIS, CADEIAS MANICÔMIOS, POSSO IR PARA AOS POVOS MUÇULMANOS, INDUS, ÁRABES ENFIM…PARA ONDE DEUS ME MANDAR IR…

Valmir Natal Rodrigues
Valmir Natal Rodrigues
2 anos 2 meses atrás
é claro irmão Daniel que está para ser julgado juntamente com todos os santos o serão naquele santo dia…o que se está vendo aí é o desrespeito qto. a fé qto. a liberdade de crer em quem se queira, coisa que os cristãos fazem sem incomodar ou matar ninguém…sabemos quem é de |Deus pelos seus frutos, porém é necessário o povo de Deus conhecer e praticar sua palavra para defesas de sua fé…Jessus nos alertou que viveriamos dias maus…estes dias já são estes que vivemos e devemos ter cuidado para que a nossa coroa não caia nos pés dos homens… Leia mais »
wpDiscuz