MENU

Na Coreia do Norte, alunos são estimulados a “dedurarem” que pais são cristãos

Missionário conta sobre truque usado por professores para enganar as crianças


O missionário Vernon Brewer, da ONG cristã World Help, há anos de dedica a contrabandear Bíblias para a Coreia do Norte. Ele sabe que é arriscado, mas diz que “nossos irmãos e irmãs perseguidos continuam a pedir por elas”.

Conforme destaca, os cristãos norte-coreanos estão enfrentando “mais perseguição que nós poderíamos imaginar, mas ainda clamam pela Palavra do Senhor”. Em artigo recente para o site Faith Wire ele conta que ouve “trágicas histórias” sobre o que acontece na ditadura comunista.

Leia mais

“Ouvi o relato de um cristão chamado Eun. Sua história é de partir o coração. Anos atrás, quando estava na terceira série sua professora lhes deu uma dever de casa “diferente”.

“Quando você for para casa, quero que procure um livro”, ela disse. “Normalmente, tem a capa preta e ficam escondido. Sua mãe ou seu pai o leem quando você está dormindo. Se você procurar bastante, encontrará este livro. E se o trouxer, nós te daremos um presente”, disse a professora.

Logo que chegou em casa, Eun começou a procurar o livro. Acabou encontrando a Bíblia de seus pais. “No dia seguinte, orgulhosamente o apresentou a sua professora e recebeu um lenço vermelho como recompensa. Mas quando voltou para casa para mostrar o lenço para seus pais, eles não estavam lá. Haviam sido presos … junto com os pais de outras 14 crianças que foram “honradas” por completar aquela tarefa”, conta Vernon.

Eun nunca mais os viu. Quando ele ouviu Evangelho, muito tempo depois, aceitou a Cristo como seu Salvador. Somente então entendeu o quanto a fé havia custado a seus pais e o que lhe poderia custar.

O missionário que esse tipo de “crueldade” continua acontecendo com os crentes norte-coreanos. “Eles tentam extinguir a igreja subterrânea, mas ela continua a crescer! Existem agora pelo menos 300.000 cristãos na Coreia do Norte… embora pouquíssimas cópias da Bíblia”, destaca.

Eles vivem uma “fé radical”, explica Vernon. “Embora passei por provações quase insuportáveis, os cristãos norte-coreanos não desistem. Eles fazem cópias manuscritas dos Evangelhos para compartilhar com os membros da igreja caseira a que pertencem”, destaca o líder da World Help.

A missão conclama que os cristãos que vivem em países onde a pregação do evangelho é livre para que orem em favor dos seus irmãos e irmãs que vivem sob intensa perseguição, para que eles continuem firmes e que mais Bíblias possam chegar ao país mais fechado do mundo.



Assuntos: , ,


Deixe sua opinião!