MENU

Refugiados fazem culto em navio após chegarem à Europa

Muitos cantavam louvores e oravam agradecendo a Deus


Tripulantes do Aquarius
Migrantes cantam a bordo do Aquarius, em direção à Espanha. (Foto: Karpov / SOS Mediterranee/handout)

O caso do navio Aquarius foi notícia essa semana em todo o mundo. Vindo do norte da África, ele ficou três dias à deriva, após a Itália e Malta negarem-se a receber os refugiados. Ao todo, eram 630 imigrantes de 32 nacionalidades.

Operado pelos grupos de assistência humanitária SOS Mar Mediterrâneo e Médicos Sem Fronteiras (MSF), o Aquarius desembarcou em Valência na Espanha nesta segunda-feira (18). Eles foram recebidos por intérpretes, psicólogos e médicos.

Leia mais

Ao contrário do que geralmente vinha acontecendo, a imensa maioria dos tripulantes do Aquarius não era muçulmanos. Imagens da chegada do navio à Espanha mostram eles cantando louvores e levantando as mãos em agradecimento a Deus.

Mulheres que foram abusadas sexualmente, agredidas ou que correm o risco de serem traficadas para a prostituição estão sendo transferidas para centros especiais, onde receberão atendimento médico e psicológico, bem como apoio legal.

Meu Deus é Jesus Cristo

Muitos eram nigerianos, que fugiram da onda de ataques de grupos terroristas como o Boko Haram e da etnia fulani.

É o caso de Clemente, que ao desembarcar lembrou a situação em que milhares de refugiados estão na Líbia, onde ele passou meses esperando para conseguir embarcar para a Itália. O homem afirma ter visto a compra e venda de pessoas nas mãos de grupos extremistas islâmicos.

“Fui maltratado muitas vezes”, contou. Há “sequestros contínuos” e “as mulheres não podem sair sozinhas”, acrescentou. Clemente compara a situação como o seu país, onde “cristãos estão sendo mortos todos os dias” e ninguém parece se importar.

Um dos seis bebês que nasceram no Aquarius enquanto o navio fazia a travessia que durou mais de um mês, chama-se Christ. A nigeriana Constance, sua mãe explica a motivação para a escolha do nome: “Sou cristã e meu Deus é Jesus Cristo”.

Christ
Christ é um dos seis bebês que nasceram em Aquarius durante o último mês. (Foto: N. Contreras, SOS Mediterranee)

Outras três crianças também refletem a fé cristã dos seus pais: Miracle, Mercy, Favour [respectivamente: Milagre, Misericórdia e Favor]. Com informações de Protestante Digital



Assuntos: , ,


Deixe seu comentário!

Mais notícias