“Papai Noel não existe”, grita pastor para crianças em shopping

Pais expulsaram líder religioso do local


"Papai Noel não existe", grita pastor para crianças em shopping

O pastor David Grisham, líder da missão Last Frontier Evangelism voltou a causar polêmica nas redes sociais. Repetindo o que faz ano passado, ele foi a um local onde crianças esperavam em uma fila para tirar fotos com o Papai Noel e pediu que os pais não mentissem aos filhos sobre o Natal.

Em 2016, Grisham foi expulso de um shopping center no Texas, por gritar a plenos pulmões que precisava falar “a verdade sobre o Natal”. “Papai Natal não existe. Ele não é real”, afirmou o pastor, enquanto os pais presentes o censuravam. Após ser repreendido pelo segurança do shopping, ele acabou indo embora do local, mas diz que foi agredido por um pai que ficou revoltado.

Seu vídeo foi visto mais de 2,5 milhões de vezes e acabou viralizando. Posteriormente, o material acabou sendo removido pela rede social, após centenas de denúncias de que se tratava de “conteúdo impróprio”.

Este ano o líder religioso voltou a defender que a época natalina deveria ser focada somente em Jesus. Filmando a ação, ele entrou na “Casa do Papai Noel”, uma exibição numa cidade do Alaska, e começou a pregar que “Jesus nasceu há quase 2017 anos em uma manjedoura numa cidade chamada Belém”.

Morador do Alaska, Grisham lembrou que não havia no Polo Norte, que fica perto da região, renas voadoras. Disse também que os presentes que as crianças recebiam eram dados por seus pais. Citando versículos da Bíblia como João 3:16, o pastor pediu que as famílias não trocassem o verdadeiro sentido do Natal por “presentes e glutonaria” e condenou a imagem meramente comercial das festas.

Uma das funcionárias da Casa do Papai Noel se aproximou e pediu que, embora respeitasse suas crenças, ele deveria parar de falar aquelas coisas e sair do local.

No vídeo que compartilhou, Grisham diz que as pessoas precisam se arrepender e que não vai parar de pregar, o que pode significar que ele fará isso de novo.

Até o momento o material foi visto quase 250 mil vezes. Em uma postagem posterior na rede social, afirma que ficou temporariamente impedido de fazer novas publicações, mas diferentemente do ano passado, seu vídeo não foi apagado. Nos comentários, a maiorias das pessoas faz críticas ao pastor, dizendo não gostar da ideia de que alguém fale às crianças que o Papai Noel não existe.

Assista:

Pastor David Grisham tells kids AGAIN this year that Santa does not exist at the Santa House at North Pole Alaska and store employees and customers confront.—Repent Alaska

Posted by David Grisham on Saturday, November 25, 2017




Deixe seu comentário!