MENU

Pastor “herói” impede massacre em supermercado nos EUA

Tiroteio ocorreu em um Walmart no estado de Washington


Tiroteio no Walmart
Tiroteio no Walmart. (Foto: CBS)

No último domingo (17), um assaltante de 44 anos quase protagonizou uma tragédia dentro de um Walmart em Tumwater, no estado americano de Washington. Ele vinha de uma tentativa de roubo de veículo quando chegou no local. Foi correndo até os fundos da loja, quebrou o balcão de vidro onde ficava a munição e roubou várias caixas de balas. Nenhum segurança conseguiu detê-lo.

Ao chegar no estacionamento do supermercado começou a atirar e atingiu duas pessoas que estavam desarmadas. Enquanto tentava tirar o carro de Rickey Fievez, disparou contra o motorista.

Leia mais

Quando o criminoso, identificado Tim O. Day, 44 anos, começou a atirar, os clientes do supermercado começaram a correr, gritando que seria um massacre. Um pastor, cuja identidade não foi revelada, que estava no local apanhou sua arma e disparou contra Day, que morreu na hora.

Segundo a polícia, o pastor, que está sendo chamado de “herói” pela comunidade, tinha porte registrado. Ele foi ouvido e liberado. A imprensa noticiou apenas que ele é bombeiro e atua numa unidade de emergência médica.

Rickey Fievez foi atingido na coluna e está paralisado do pescoço para baixo. Robert Berwick, que estava no estacionamento, afirma que o pastor evitou muitas mortes, pois Day estava atirando para todos os lados. “Eu o agradeci por ter salvado a minha vida”, revela. Outra testemunha Megan Chadwick, afirma que o caos tomou conta do Walmart e havia centenas de pessoas no local, incluindo crianças. Com informações Charisma News e CBS News



Assuntos: ,


Deixe seu comentário!

Mais notícias