Pastor diz que não se deve criticar IURD: “eles fazem o que eu não faço”

Tiago Brunet questiona: “quem sou eu para julgar?”


Pastor diz que não se deve criticar IURD

Em culto recente na Assembleia de Deus de Alphaville (AD Alpha), o pastor Tiago Brunet explicou por que os cristãos não deveriam falar mal de outras igrejas. Usando como exemplo a  Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) ele usou parte do sermão para exemplificar como a crítica sempre é a saída mais fácil.



Postado no Facebook, o vídeo foi visualizado mais de 200 mil vezes e gerou um amplo debate sobre o assunto. A maioria dos comentários concordam com a posição do pastor Brunet. Editado pelo próprio Tiago, é uma seleção de um sermão que durou 50 minutos.

Nele, o pastor conta que foi procurado por um líder evangélico e questionado: “Você concorda com as práticas da Igreja Universal?”. Sua resposta foi “Tem muita coisa que eu não concordo… Mas eu não consigo fazer melhor que eles… visitam pessoas no hospital… tiram prostitutas da rua… o método que eles usam, quem sou eu para julgar?”.


  Programa que ensina a Bíblia vira febre na Internet


Aplaudido pela postura, enfatizou também: “se um dia eu puder fazer algo melhor que alguém aí eu vou lá e critico”. Em seguida, emendou: “Quem critica é quem não pode fazer melhor. Quando você tiver sabedoria nunca vai abrir a boca para criticar ninguém”.



Lembrou ainda que, enquanto a AD Alpha fica fechada durante as tardes, “Eles [IURD] abrem sete horas da manhã e fecham onze horas da noite, são um verdadeiro hospital… eu vou falar mal de quem está trabalhando? Sai, capeta””.

Segundo o seu raciocínio, os cristãos têm “muito problema em ver o lado positivo das coisas e das pessoas”. Acredita ainda que Deus não colocou ninguém como juiz dos demais.



Entre as muitas críticas a ele e à IURD, Tiago postou o seguinte comentário no vídeo: “ A intenção não é defender igreja ou denominação nenhuma, apenas usar o direito de expressar minha visão sobre crítica. Prefiro ter frutos, obras e resultados em Deus para mostrar do que não ter resultado nenhum mas criticar. Como disse no vídeo: NÃO concordo com certas práticas dessa igreja. Mas não me acho no direito de criticar”.

Assista:




Deixe seu comentário!

Os comentários estão desativados.