MENU

Premiê de Israel alerta Ocidente: “Islã militante ataca a todos nós”

Netanyahu diz que radicalismo patrocinado pelo Irã "está devorando uma nação atrás da outra"


Benjamin Netanyahu
Benjamin Netanyahu. (Foto: National Israel News)

O primeiro-ministro Benjamim Netanyahu participou na sexta-feira (2) do “Fórum de Craiova”, onde reuniu-se com os governantes de Bulgária, Grécia, Sérvia e Romênia. Na agenda, projetos de cooperação na área de segurança.

É a primeira vez que um governante israelense é convidado para o evento. No final da reunião, ao lado do anfitrião Boyko Borisov, primeiro-ministro búlgaro, que eles não pouparão esforços para combater o terror islâmico em todo o mundo.

Leia mais

“A força mais poderosa por trás do islamismo militante é o regime iraniano. Ele está devorando uma nação atrás da outra – Síria, Líbano, Iraque e outros lugares. Isso está matando civis em todo o mundo”, disse Netanyahu.

Revelando que o serviço de inteligência israelense descobriu recentemente “várias tentativas iranianas de promover ataques terroristas” em outros países, reforçou que “estamos juntos nessa batalha contra o terrorismo e contra o islamismo militante. Esta é uma batalha pelo futuro dos nossos valores comuns e pela nossa civilização… Juntos somos mais fortes”.

O premiê israelense defende que o Ocidente deveria estar alerta, pois “Somos parte da mesma civilização… que valoriza a liberdade, a paz e o progresso, e hoje essa civilização está sob ataque, principalmente pelas forças do islamismo militante. O Islã militante ataca a todos nós”.

Apoio na ONU

Segurança não foi o único assunto na pauta da reunião com os líderes dos países membros do fórum. Além de Borisov, o presidente sérvio Aleksandar Vučić, o primeiro-ministro grego Alexis Tsipras e a primeira-ministra romena Viorica Dăncilă.

“Esta visita também nos permitiu ampliar nossa cooperação no comércio, na tecnologia de informação, na saúde, na ciência”, destacou Netanyahu. “Especificamente, cada um deles me prometeu que melhorariam sua votação sobre questões que nos preocupam tanto na União Europeia como na ONU”, assegurou Netanyahu, dando a entender que Israel está consolidando o apoio ao seu país em órgãos internacionais.

O Fórum de Craiova foi criado em 2015 para promover uma agenda comum para o desenvolvimento e proteção das fronteiras dos países membros. Com informações de Israel National News



Assuntos: , ,


Deixe sua opinião!