MENU

Trump cita Bíblia em evento pró-vida: “Antes que te formasse no ventre te conheci”

Presidente usa versículo de Jeremias para reforçar sua posição contra o aborto


Donald Trump
Donald Trump discursa na Campanha pela Vida. (Foto: Sbalist)

O presidente dos EUA, Donald Trump, assegurou na terça-feira a um importante grupo de líderes e ativistas conservadores que o movimento pró-vida “nunca falhará” enquanto “continuarmos confiando em Deus” e citou o Antigo Testamento para argumentar que “toda criança é um precioso presente de Deus”.

Trump discursou brevemente diante das centenas de pessoas reunidas para a 11ª edição do Campanha pela Vida, no National Building Museum em Washington, D.C. Iniciou dizendo que “toda vida tem um significado” e “merece ser protegida”.

Leia mais

“Como o Senhor diz em Jeremias: Antes que te formasse no ventre te conheci, e antes que saísses da madre, te separei”, afirmou Trump, citando Jeremias 1:5.

Para muitos conservadores, Trump é um dos presidentes mais pró-vida da história, apesar de estar no cargo por apenas 15 meses, deu grandes passos na luta contra o aborto, algo que fazia parte de suas promessas de campanha.

O discurso de Trump veio no mesmo dia em que o Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos EUA oficialmente propôs uma mudança no Programa de Subsídios ao Planejamento Familiar, impedindo que as organizações que promovem o aborto recebam dinheiro dos impostos federais.

“Estamos fazendo outro anúncio histórico. Durante décadas, os contribuintes foram forçados indevidamente a subsidiar a indústria do aborto através do financiamento público”, disse Trump. “Então, hoje, cumpriremos outra promessa. Meu governo propôs uma nova regra para proibir o financiamento de qualquer clínica que realize abortos.”

Afirmou ainda: “Quando uma mãe e um pai seguram um bebê recém-nascido em seus braços, eles mudam para sempre. Nada se compara à sensação de ouvir uma criança dizer ‘mamãe’ ou ‘papai’, pela primeira vez…. Quando olhamos nos olhos de uma criança recém-nascida, não há dúvida de que vemos a beleza da alma humana e o mistério da grande criação de Deus.”

Mas a fala teve também um tom político. Trump advertiu os presentes que há uma disputa no Congresso. “Se os democratas [partido de Obama] retomarem o poder, tentarão reverter esses ganhos incríveis”, afirmou, lembrando que há eleições para deputados federais e governador nos EUA este ano.

Entre as promessas de campanha de Trump estava sua promessa de apoiar a legislação que proibiria abortos eletivos após 20 semanas de gravidez. Porém, sua proposta de mudança da lei foi bloqueada pelos senadores democratas no início deste ano.

Mesmo assim, ele disse que seguirá em frente. “Desde que tenhamos fé em nossos cidadãos, confiança em nossos valores e confiança em nosso Deus, nunca falharemos”, afirmou.

A presidente do evento, realizado anualmente, Marjorie Dannenfelser, chamou as palavras do presidente de “encorajadoras” e disse que o envolvimento de Trump representa “um momento decisivo” na história do movimento pró-vida. Com informações de Christian Post




Deixe seu comentário!