Homem-bomba realizou atentado a igreja no Egito, mostram imagens

Presidente do país declara “Estado de emergência”


Homem-bomba realizou atentado a igreja no Egito

Ao longo deste domingo (9), várias informações foram sendo reveladas com detalhes sobre os dois ataques contra igrejas no Egito. Os dois atentados, ocorridos nas cidades de Tanta e Alexandria foram reivindicados pelo Estado Islâmico.

Os ataques durante as comemorações do Domingo de Ramos, deixaram pelo menos 45 mortos e mais de uma centena de feridos. O presidente egípcio, Abdel Fattah al-Sissi, anunciou que o país ficará em estado de emergência por três meses.

Ele acrescentou que a medida será tomada para “proteger” e “preservar” o país. Os ataques contra os cristãos coptas acontecem vinte dias antes da visita do papa Francisco ao Egito, marcada para os próximos dias 28 e 29 de abril. Um dos ramos mais antigos do cristianismo, os coptas representam 10% da população egípcia.


  Professor ensina a cantar afinado em 61 dias


Nos últimos meses, eles vêm sendo ameaçados constantemente pelos soldados do Estado Islâmico e grupos simpatizantes.

Em vídeo, afirmaram que os cristãos eram sua “presa favorita”Há circulação de folhetos em determinadas aldeias com o recado ‘fuja ou morra’. O Egito ocupa o 21º lugar na atual Lista da Perseguição Mundial, elaborada pela Missão Portas Abertas.

Atentado em Igreja Copta, no Egito.

Vídeo mostra momento do atentado

Em Tanta, revelam as autoridades, a bomba foi colocada debaixo de um banco nas primeiras fileiras, próxima do altar. Já em Alexandria, câmeras do circuito interno mostraram que foi um homem-bomba que se explodiu na frente do templo.

O vídeo revela que o terrorista tentou entrar no culto, mas foi impedido por policiais. Foi pedido que ele passasse pelo detector de metais. A cena mostra o momento exato em que  uma explosão toma conta do local.

As autoridades acreditam que o alvo era o papa Tawadros II, líder maior da igreja copta, que esteve no local no início da manhã. Ele escapou ileso.

Alexandria, a segunda cidade mais populosa do país, foi, nos primeiros séculos, um dos berços do cristianismo na África. Segundo a tradição, o evangelista Marcos fundou ali a primeira igreja cristã, sendo por alguns anos o bispo de Alexandria. Com informações de Daily Mail




Deixe seu comentário!