Fiéis da ADUD publicam vídeos em defesa ao pastor Marcos Pereira

Na última semana o líder religioso foi condenado a 15 anos de prisão pelo crime de estupro


Fiéis da ADUD publicam vídeos em defesa ao pastor Marcos Pereira

Os fiéis da igreja Assembleia de Deus dos Últimos Dias (ADUD) gravaram vídeos e postaram no Youtube prestando apoio ao pastor Marcos Pereira que na última semana foi condenado a 15 anos de prisão pelo crime de estupro.

A filha do religioso, Nívea Silva, aparece em quase todos os vídeos coordenando as palavras de ordem que afirmam que Pereira foi condenado sem provas. Em um deles, os fiéis gritam: “Meu pastor foi condenado sem provas, mas ele me resgatou das drogas”.

Preso desde 8 de maio, Marcos Pereira aguardava a decisão da justiça para dois casos onde ele era acusado de estuprar duas mulheres fiéis da ADUD. Uma delas afirmava que os abusos aconteceram desde quando ela era menor de idade, o crime teria acontecido até o ano de 2006. Das duas acusações, apenas uma deu sequência, pois a segunda mulher desistiu da denúncia dizendo que não fora abusada pelo pastor.


  Psicólogo ajuda cristãos a vencer o vício da pornografia


O advogado do pastor, Marcelo Patrício, já afirmou que irá recorrer da decisão proferida pela juíza Ana Helena Valle, da 2ª Vara Criminal da Comarca de São João de Meriti, pois para ele a sentença foi “absurda”.

Os fiéis afirmam que foi uma “injustiça” e perguntam em outro vídeo onde está a justiça, além de gritarem que a “a última palavra é do Senhor, liberdade para o nosso pastor”. Homens, mulheres e crianças aparecem nos vídeos que foram gravados dentro da sede da ADUD.

Assista:




Deixe seu comentário!